terça-feira, 16 de agosto de 2011

Vereador Eliseu Bayer solicita ao Prefeito Reforma do Centro Comunitário do Bairro Antonio Daraya

Eliseu Bayer quer reforma e implantação de Projeto Social em Centro Comunitário.

Na foto: Vereador Eliseu Bayer visita o Centro Comunitário acompanhado do Prefeito Ernane, Vice João Monteiro e moradora Zilda

Além de solicitar a reforma do prédio do Centro Comunitário do Bairro Daraya, o vereador Eliseu Bayer Nogueira (PSDB) apresentou requerimento na Câmara Municipal cobrando da administração pública, a possibilidade de implantar um projeto social no centro comunitário localizado no conjunto habitacional Antonio Daraya.

Segundo o vereador o prédio público encontra-se praticamente abandonado, sendo que durante a noite é invadido por vândalos que destroem as janelas, portas, lâmpadas e banheiros e ainda vem sendo utilizado indevidamente por meliantes para prática de atos ilícitos que compromete a segurança pública.

O vereador ainda afirmou que em virtude do prédio não ser utilizado durante o dia, acaba sendo invadido também diurnamente por crianças e adolescentes que contribuem para destruição do prédio.

“É inadmissível que um prédio público fique abandonado em um local tão bem localizado, precisamos instalar um Projeto Social para crianças, ou um ESF para atender a população do Watanabe, Maximino e Daraya, enfim precisamos tornar o Centro comunitário útil para povo” afirmou Eliseu Bayer

Além do requerimento apresentado, o vereador afirmou que alguns meses atrás convidou o prefeito Ernane e o Vice João Monteiro para visitar o Centro Comunitário, que estiveram no local e conferiram de perto a necessidade de instalar algum projeto no referido prédio.

Eliseu Bayer ainda solicitou no requerimento a possibilidade de se colocar um vigilante noturno no Centro Comunitário para evitar a destruição durante a noite.

“O vigilante noturno não aumentaria custo para prefeitura, o mesmo funcionário que faz vigilância em uma escola municipal bem próxima, poderia fazer também no Centro Comunitário” completou Eliseu Bayer